O Museu Nacional do Teatro passou  a designar-se MUSEU NACIONAL DO TEATRO E DA DANÇA.

Este anúncio foi feito pelo Secretário de Estado da Cultura, no dia 14 janeiro de 2015, no final da assinatura de um protocolo em que José Sasportes doa ao Museu a sua biblioteca especializada em dança (com mais de 3000 volumes) e um espólio documental, também sobre aquela arte, maioritariamente do século XVIII.

Esta doação veio enriquecer a coleção dedicada à dança e já existente no Museu, que conta com inúmeras peças, entre as quais, da Companhia Portuguesa de Bailado Verde Gaio (a primeira companhia de dança em Portugal), figurinos e trajos e adereços do Ballet Gulbenkian, assim como doações de  coreografos e bailarinos de que  Margarida de Abreu, Águeda de Sena ou Benvindo Fonseca, Bernardette Pessanha, Lubélia Stichinni, são apenas alguns exemplos.